Buscar
  • Paulo de Oxalá

Comitiva do Palácio de Ifẹ̀ proclama a volta do Ọ́ọ̀ni ao Brasil

Atualizado: 29 de nov. de 2021


Seis integrantes da comitiva real do Palácio de Ifẹ̀ - representando Sua Majestade Adéyeye Ènìtán Bàbátúndé Àkándé Ògúnwùsì (Ojàjà II), atual Ọ́ọ̀ni Ifẹ̀ (Rei da cidade de Ifẹ̀, na Nigéria) - estiveram em agenda oficial no Brasil para as celebrações da semana da Consciência Negra. A programação incluiu as cidades de São Paulo e do Rio de Janeiro.


Entre os muitos compromissos, a comitiva veio promover o pré-lançamento do projeto Back to Home e o avanço das discussões sobre o uso da medicina tradicional.

Fizeram parte da comitiva:

Os reis: Joseph Adébayọ̀ Adéwólẹ̀ – Ọba Ajerò de Ìjèrò (Èkìtì) e Kàyọdẹ Àfòlábí - Ọba Àlàpọ̀mù de Àpọ̀mù (Ọ̀ṣun),

Bàbáláwo Dr. White, Bàbáláwo Adékúnlẹ̀ Olókóóbá, além do Sr. Moisés Oláfárẹ̀ (chefe de imprensa do Palácio Real de Ifẹ̀) e a Sra. Ọ̀nyìnyé Odúníyí (editora da revista Explore Magazine).


Lembrando que o Ọ́ọ̀ni Ifẹ̀ Ògúnwùsì (Ojàjà II) visitou oficialmente o Brasil em setembro de 2019.


Além dos compromissos governamentais em São Paulo, na ALESP, os reis visitaram o Museu Afro, palestraram na comunidade Monte Azul e participaram do pré-lançamento do programa Back to Home, na quadra da escola de samba Unidos de Vila Maria.


Já no Rio de Janeiro, a comitiva real do Palácio de Ifẹ̀ esteve nas celebrações do dia 20 de novembro, no monumento a Zumbi dos Palmares e estabeleceram importantes tratativas junto à ALERJ, Fiocruz e autoridades do município e do Estado em prol do desenvolvimento deste intercâmbio entre os dois países. O pré-lançamento do projeto Back to Home aconteceu no Museu de Arte do Rio-MAR.


Na celebração da Fiocruz, o Bàbálórìṣà Elias de Yánsàn recebeu a benção do rei Joseph Adébayọ̀ Adéwólẹ̀ – Ọba Ajerò de Ìjèrò (Èkìtì).


Vale lembrar que Pai Elias pertence ao Terreiro matriz da Nação Ẹ̀fọ̀n no Rio de Janeiro - Ilé Ògún Ànawẹji Ìgbẹlè Ni Oman (Àṣẹ Pantanal), em Duque de Caxias - fundado em 1938 pelo Sr. Cristóvão do Ògúnjà, em Salvador, e que foi transferido para o Rio na década de 1950, cuja cadeira está ocupada atualmente por sua neta e herdeira, Mãe Maria de Ṣàngó.


Os reis também visitaram o Ilé Ọba Ńlá dirigido por Mãe Edelzuíta de Òṣàgiyán, antiga filha de santo da saudosa Mãe Menininha do Gantois. Dentre várias autoridades religiosas, também estavam presentes Pai Carlinhos de Òṣàgiyán e Pai Sérgio Noronha de Ọ̀ṣun, filho de santo de Mãe Edelzuíta.


E como último compromisso no Brasil, a comitiva real foi recepcionada na Tijuca, na Sede do Afoxé Ọmọ Ifá.


Além do Bàbáláwo Sandro Fátọrẹ́rá, e toda a equipe do Afoxé Ọmọ Ifá, também estiveram presentes: Ọ̀gá (Ogan) Bángbàlà e Mãe Maria Eni, Pai Sérgio Noronha de Ọ̀ṣun, Rosa Perdigão, baiana de àkàràjẹ (acarajé) e Erica Pinheiro coordenadora da Casa de Herança Odùdúwà.


A comitiva foi recebida com muita dança e homenagens pelos integrantes do Afoxé.

Essas homenagens foram retribuídas com bênçãos de toda a comitiva, que também idealizou uma mensagem enviada por Carolina Maíra de Morais (Adida cultural de Sua Majestade) para a direção do Ọmọ Ifá.


“As homenagens recebidas são dirigidas na verdade ao nosso pai e pai de todo povo yorubá, Sua Majestade Imperial Adéyeye Ènìtán Bàbátúndé Àkándé Ògúnwùsì (Ojàjà II). Ele nos enviou para prepararmos o caminho de seu retorno ao Brasil dentro do projeto ‘Tesouros dos nossos Ancestrais’. A homenagem entregue a nós será remetida a Sua Majestade. Os olhos de Ifẹ̀ repousam sobre o Brasil na certeza de que somos uma só família e não andaremos mais sozinhos”.


Palavras do Ọ́ọ̀ni Ifẹ̀ em 2019, no discurso do Teatro João Caetano: “Òmìnira wa ọrọ̀!” (Liberdade é a nossa riqueza!)

Axé!


Fontes: Afoxé Ọmọ Ifá, Elias de Yánsàn, Pai Carlinhos de Òṣàgiyán e release de Carolina Maíra de Morais e Àjọ̀yẹ̀mí Ọ̀ṣunlẹ̀yè, Presidente da Casa de Herança Odùdúwà.

Fotos: Joran, Pai Carlinhos de Òṣàgiyán e Pai Sérgio Noronha de Ọ̀ṣun.


68 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
WhatsApp-icon.png