Buscar
  • Paulo de Oxalá

Marcelo Fritz assume pasta em São João de Meriti na luta contra a Intolerância Religiosa


A Baixada Fluminense é um dos locais do Brasil que abriga a maior quantidade de Terreiros de religiões de matriz africana. É por isso que lá também, segundo a Secretaria de Direitos Humanos do Estado do Rio de Janeiro, acontecem a maioria dos casos de intolerância religiosa.


E foi em defesa dos religiosos de matriz africana de São João de Meriti, que o prefeito da cidade, Dr. João, convidou o Bàbálórìsà Marcelo Fritz de Òṣàgiyán, dirigente do Àṣẹ Ogbojú Fire Ìmọ̀ Ògún Ọya” e do Icapra (Instituto Cultural de Apoio e Pesquisa às Tradições Afro) para ocupar uma pasta em seu governo, no intuito de combater a Intolerância Religiosa no Município.


Marcelo Fritz assumirá esse trabalho que estará ligado à Secretaria Municipal de Cultura, Direitos Humanos e Igualdade Racial, que tem Marcelo Rosa como secretário.


Marcelo Fritz se declara honrado pelo cargo e ressalta a união de todos no combate a intolerância religiosa: “Vivemos momentos difíceis, por isso todos devem estar unidos, somando esforços no combate ao preconceito e a intolerância”.


Axé!



1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
WhatsApp-icon.png