Buscar
  • Paulo de Oxalá

Minha Mãe, Thereza Fomo de Òṣàlá


Fico encantado quando escuto Dorival Caymmi, em Oração de Mãe Menininha! Quanto amor ele tinha pela sublime Ìyálórìṣà-Yalorixá! E não era para menos, antigos da época contam que ela era simples, e uma magnífica Rainha!


Mo júbà (meus respeitos à memória deles), mas eu também tenho minha Rainha, e o Òṣàlá mais bonito é o dela: Minha Ìyá, Thereza Fomo de Òṣàlá!


Mãe Thereza nasceu na cidade de Alagoinhas do leste baiano, que fica a 124 km de Salvador.


Ainda menina, com 8 anos ocorreu o seu Bọ́lọ́nan (primeira manifestação do Òrìṣà) no Terreiro de Pai Claudiano de Òṣàgiyán. Porém, só foi iniciada aos 12 anos para Òṣàlá.


O tempo passou, e aos 17 anos, veio para o Rio de Janeiro, morar no Bairro do Catumbi, zona central da cidade. Nesse período ocorreu o falecimento de Pai Claudiano, então ela conheceu Pai Zezinho da Boa Viagem, da Nação Jeje-Mahi e fez com ele seu Deká (obrigação de 7 anos). Por morar no Catumbi e ser a 3ª do barco, quando foi iniciada, Pai Zezinho passou a chamá-la de: “Fomo do Catumbi”. Codinome pelo qual é conhecida pelos antigos do Àṣẹ Boa Viagem.


Mãe Thereza de Òṣàlá iniciou muitas pessoas no Candomblé, dentre elas, Denner o costureiro das socialites da década de 70. José Luiz de Ọ̀ṣọ́ọ̀sí ou Dofono de Ọ̀ṣọ́ọ̀sí do Banco de Areia em Mesquita, que faleceu neste ano de 2017. Ela é a minha Ìyálórìṣà, foi quem me iniciou para Òṣàlá, mas precisamente Òṣàlúfọ́n. É um amor de mais de 40 anos. Mãe Thereza dirige o “Palácio de Òṣàlá”, em Miguel Couto, nossa casa, nosso porto seguro!


Kolọnfẹ Ìyá tèmi! (A benção minha mãe!)


Axé!




0 visualização

Todos os Direitos Reservados a Paulo de Oxalá

R. das Laranjeiras, Rio de Janeiro - RJ

+55 (21) 2556-9009

+55 (21) 99400-7107

paulodeoxala@uol.com.br

Tags: Babalorixá, Simpatia, Búzios, Tarot e numerologia

  • Instagram ícone social
  • YouTube Social  Icon
  • Facebook Basic Square
WhatsApp-icon.png